6 December 2012

"viajar sempre esteve no meu DNA"


"Atravessar fronteiras era um desejo meu desde menina, incluindo as fronteiras mentais, não apenas as geográficas. Conhecer, descobrir, avançar, aprender: verbos que de certa forma me definem, todos relacionados com o exercício da liberdade. (...)"

Indico!

10 comments:

  1. Poxa! Acho que esse livro é muito bom.

    Milhões de beijos

    ReplyDelete
    Replies
    1. Olá! Obrigada pelo comentário.. é bom sim! Viajar é libertar-se ao menos da rotina... risos... Um abraço.

      Delete
  2. Martha Medeiros é maravilhosa. Na sua penúltima coluna de domingo, se não me engano, ela indicou esse livro dela. É uma ótima dica, Ju. Beijos.

    ReplyDelete
    Replies
    1. Desde novembro que não consigo acessar as crônicas dela, na coluna de O Globo. Se conseguir acessá-las pela internet, me avisa! Beijo, querido!

      Delete
    2. Ju, nunca tentei acessá-la pela internet pq sempre as leio no jornal de domingo. :( Bjão!

      Delete
  3. Excelente presente para dar e receber neste Natal. Obrigada pela dica!

    ReplyDelete
    Replies
    1. Não é? A propósito, ainda não comprei nem ganhei... mas o aniversário é seu!!! Beijo, querida!

      Delete
  4. Amiga
    Kátia me emprestou esse livro, mas eu ainda não tive tempo de ler uma linha. Aquela correria que vc imagina, né?
    Mas as férias vêm aí!

    bjão, te espero.

    ReplyDelete
    Replies
    1. Ai, as férias.... bom demais! Beijo!

      Delete