22 April 2012

Na casa dela

Tem calor, ventilador, fotos antiguinhas, banana frita, cheiro de família, geladeira cheia, coração transbordando, panelas empilhadas, interfone que toca o tempo todo, filhos que chegam, netos que gritam, risos, choros, abraços, afagos, almofadas pelo chão, canela pra filha-viajante, televisão ligada, porta aberta, armário gigante, quarto pequeno, ar gelado, ar quente, picanha assada, cortadinho de abóbora com quiabo, barulho de vida, zoada de gente, brinquedos do mais novo, malas espalhadas. Amor, amor de mãe. E agora, saudade redobrada.

8 comments:

  1. Quem é que não tem uma versão "Na casa dela" pra contar? Pra uns a lista é mais curta, pra outros mais extensa, mas sempre preciosa e inesquecível. Que a sua versão "Na casa dela" dure pra sempre. É um das melhores coisas da vida. Um beijo, amiga viajante.

    ReplyDelete
    Replies
    1. Marcelo, se pra cada item desse eu escrevesse mais, ninguém suportaria tanto texto... risos... mas é isso mesmo, uma das melhores coisas da vida... quem não aproveita isso, vai saber mais tarde o que está deixando de ganhar. Beijo, querido!

      Delete
  2. Coisa boa... Pra mim não há melhor lugar para um chamego e uns dias de papo pro ar.

    bjão, Ju.

    ReplyDelete
    Replies
    1. É sim, Patiinha... o que mais precisamos além de chamego e paz? Talvez mais...

      Delete
  3. Sentimento compartilhado.

    Zegui Peixoto, by FB.

    ReplyDelete
    Replies
    1. Obrigada pela visita! Volta sempre!!! Bj

      Delete
  4. Lindo texto minha mana...foi tudo isso e muito mais!!

    Dilma Santana, by FB.

    ReplyDelete
    Replies
    1. Tô ressaqueada, de tanto que chorei... tomara que passe. Bj, mana!

      Delete